Ainda Vale a Pena Ser Taxista? Veja Prós e Contras

Com a popularização dos aplicativos que proporcionam viagens de carro mais baratas, o serviço dos taxistas ficou menos requisitado. Essa queda nos clientes para táxi, gerou muita revolta em quem já trabalhava na área. Então veio a dúvida: será que ainda vale a pena trabalhar como taxista nos dias de hoje? Leia o texto a seguir e veja prós e contras!

Vantagens

Taxas e impostos

Para quem trabalha como taxista, a maior vantagem são os descontos. Por exemplo, quem vai comprar um carro e é taxista autorizado, pode receber desconto de até 30% na compra de um novo veículo. Em alguns estados, o motorista tem IPVA isento.

Nem todas as taxas são isentas para o taxista, mas podem ser reduzidas. Existem alguns pagamentos obrigatórios para os proprietários de veículos no Brasil, como o DPVAT 2020.

Lucro independente

Um outro ponto que torna o serviço como taxista mais vantajoso que a maioria dos aplicativos, é o lucro independente. Nesta função, o que o motorista produzir diariamente pertence a ele, e não tem descontos por corrida.

Valor da praça

Você sabia que a vaga fixa no ponto de táxi precisa ser comprada? Neste caso, há uma grande valorização da praça com o tempo e o proprietário pode vender por um ótimo preço depois de alguns anos. O valor da praça pode variar de acordo com a localidade e a oferta na região.

Horário flexível

Para quem tem outras prioridades, serviços ou emprego, trabalhar de taxista pode ser um adicional já que você pode fazer o seu próprio horário. Vale lembrar que a renda mensal irá depender do tempo de serviço.

Desvantagens

Autorização anual

Todo ano, o taxista legalizado precisa emitir uma autorização que o capacita para o serviço no táxi. O documento é importante e não é complicado de adquirir, mas para isso o motorista deve desembolsar cerca de R$1350.

Laranjinhas

Uma desvantagem que atinge qualquer proprietário de veículos, mas pode custar mais para quem precisa estacionar o dia inteiro é a cobrança dos laranjinhas.

Estas pessoas guardam os veículos de maneira informal ou formal quando se estaciona. O valor depende e cada estado, podendo variar entre R$5 e R$15.

Despesas para rodar

Quando se é taxista, todas as despesas são independentes, isto quer dizer que tanto o combustível, como a manutenção do seu veículo será de sua responsabilidade. É importante enfatizar que este profissional precisa estar sempre dentro das leis e com a documentação em dias.

Conheça os diferenciais do curso de Mecânica Industrial

Antes de escolher a sua formação, é preciso pesquisar bastante e entender a atuação de cada profissional. O curso de Mecânica Industrial ganhou bastante espaço no mercado e por isso, mais e mais estudantes querem conhecer as possibilidades da área. Você sabe quais os diferenciais do curso? Continue lendo e fique por dentro de tudo que você precisa saber.

O que é o curso de Mecânica Industrial?

O curso de Mecânica Industrial é uma formação técnica que capacita profissionais para atuarem no setor de máquina das industrias, sendo responsável por desenvolver, montar, desmontar, inspecionar e reparar as máquinas.

Este profissional deverá ser apto para coordenar projetos de sua área, assim como pelo controle de qualidade de seu setor. Quem está pensando em começar o curso deve estar familiarizado com engrenagens, instalações, equipamentos de segurança, entre outros.

Qual o diferencial da área?

Você notou que o profissional de Mecânica Industrial é responsável pela produção e manutenção de máquinas, se fazendo assim essencial para qualquer empresa de produção. Além disso, a sua área de atuação é voltada para as grandes potências do mercado industrial e de vários ramos diferentes.

Também é preciso pontuar o alto índice de empregabilidade para os formados neste curso, muitos começam a atuar em alguns meses. Isso sem contar que a duração desta formação é de até dois anos, ou seja, você pode estar qualificado para o mercado em pouco tempo.

Quanto recebe?

Mas afinal, quanto recebe? Para começar uma formação é fundamental antes saber a média de salário para aquela área. Vale lembrar que em cada região, a demanda para o profissional de Mecânica Industrial pode ser diferente e isto influencia na remuneração.

A expectativa para o salário inicial deste mecânico é de R$ 1.303. Enquanto isso, a média de remuneração mensal é de R$ 3.256, e a máxima registrada é de R$20.000.

Onde cursar?

Como este é um curso técnico e a divulgação para os programas que dão acesso ao nível superior são maiores muitos estudantes não sabem como buscar a formação. A primeira coisa que você deve saber é que existem escolas técnicas especializadas neste curso, são elas as instituições do Sistema S.

É importante enfatizar que para a área industrial, a instituição a ser procurado é a de Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI). Sabia que você pode conseguir uma bolsa de estudos e não pagar nada pelo seu curso? Para isso, se inscreva no Pronatec e selecione a bolsa para o curso de Mecânica Industrial!

FONTE: pronatec2020.pro.br/pronatec-2020

Está desempregado? Veja formas que podem te ajudar a pagar as dívidas

O desemprego é o pesadelos dos brasileiros e nós queremos passar bem longe do termo. Mas se isso chegou a acontecer a você, não se desespere! Com um pouquinho de organização e seguindo algumas dicas, você pode conseguir sanar sua dividas em pouco tempo e logo se restabelecer financeiramente.

Procure opções baratas

Bem, sabemos que é quase impossível viver sem gastar nada e uma hora ou outra, você vai acabar fazendo gastos, seja pedindo comida em um restaurante ou comprando aquela roupa que você tanto queria. A dica, nesse caso, é que você procure opções mais baratas.

Vai pedir comida? A Uber Eats tem promoções imperdíveis que podem fazer a diferença no seu bolso no fim do mês. Acesse: theneves.com.br/codigo-promocional-uber-eats

Vai comprar aquela roupa pra ir à festa? Então vai direto na arara de promoções ou fique atento às lojas mais baratinhas que divulgam promo no instagram.

Organize suas dividas

Esta dica pode até parecer meio obvia, mas você sabia que tem gente que não leva as contas para o papel e acaba perdendo o controle dos gastos?

É preciso estabelecer bem o que vai ser pago e quando deve ser pago. Se você está querendo diminuir as suas dividas, não faz sentido pagar fora do prazo e acabar pagando multa!

Faça um extra

A maioria das pessoas ao ficar desempregada, começa a procurar serviços independentes e isso acaba movimentando um mercado relativamente novo.

Produção independente é uma ótima forma de levantar a grana que você precisa. Você pode dar uma olhada nas tendências do mercado em relação a peças, acessórios e até comida.

Também existe a categoria de freelancers, que pode ser uma forma de você começar a se reerguer financeiramente e sem perder o seguro desemprego, caso esteja recebendo.

Renegocie suas dividas

Depois de um certo período, quando você estiver melhor organizado em relação as suas finanças, pode ser uma boa hora para solucionar de vez essas pendências. Se você está preocupado em estar devendo, fique sabendo que os cobradores também estão na mesma situação!

Isto quer dizer que para não perder o valor em questão as empresas podem entrar em contato com você a fim de propor uma negociação das suas dividas. Assim a quantia a ser paga pode cair significativamente.

Você mesmo pode procurar o setor de negociação da empresa para qual você estiver devendo e conseguir uma boa forma de pagar e até parcelar a sua divida.

FONTE: theneves.com.br/cadastro-uber-eats

Como se tornar um MEI? Veja um passo a passo rápido

O Micro Empreendedor Individual (MEI) é um trabalhador que atua por conta própria, como autônomo. Ou que possui uma empresa com rendimento anual de até R$81.000. Existem grandes vantagens em se formalizar, e o processo para emissão do certificado de micro empreendedor é bem simples. De forma virtual é possível conseguir o seu registro como empresa.

Quem pode ser um MEI

O número de brasileiros que vêm se sustentando a partir da abertura de um negócio, está cada vez maior. Como forma de escapar da crise econômica e falta de emprego, tornar-se um autônomo pode ser uma boa solução.

Estar formalizado como um micro empreendedor é uma maneira de se estabilizar no mercado de trabalho, firmando o seu negócio e possibilitando ganhos mais consistentes.

Para isso, os interessados devem cumprir com as exigências para se tornar um MEI:

  • Faturar até R$81 mil por ano. O que equivale a R$6.750 por mês;
  • Não participar como sócio, administrador ou titular de outra empresa;
  • Pode contratar no máximo um empregado;
  • Exercer uma das atividades econômicas permitidas ao MEI. Verifique no site oficial do programa.

Vantagens de se tornar um Micro Empreendedor Individual

Assim como em qualquer situação, um MEI tem seus direitos e deveres. Previsto em lei, e para dar continuidade a sua empresa, o empreendedor deve por obrigação:

  • Pagar mensalmente a guia DAS, que corresponde aos tributos como ISS e previdência do INSS. O valor é de no máximo R$55 mensal, e não varia;
  • Preencher mensalmente o relatório mensal das receitas com o rendimento bruto do mês anterior;
  • Emitir nota fiscal;
  • Declaração Anual Simplificada, como um Imposto de Renda. Só que mais simples;
  • Informar a contratação de funcionário. Lembrando que pode ser no máximo um empregado.

Cumprida todas as exigências, agora o empreendedor passa a ter como vantagens:

  • Autorização em vender para o governo;
  • Ter CNPJ e alvará de funcionamento;
  • Acesso a produtos e serviços bancários como crédito;
  • Pode emitir nota fiscal;
  • Baixo custo mensal de tributos;
  • Acesso a apoio técnico do SEBRAE;
  • Direitos e benefícios previdenciários.

Passo a passo para se tornar um MEI

A emissão do certificado e registro como MEI acontece de forma virtual, e é gratuita. Basta criar o seu cadastro pessoal e indicar qual serviço remunerado presta.

Veja no passo a passo:

  • Agora, escolha a opção “Formalize-se”;

  • Insira seu CPF e data de nascimento para dar início ao cadastro.

Logo que terminar de preencher a ficha, o sistema permite que seja emitido o certificado do MEI com o número de CNPJ. Não se esqueça de pagar o DAS mensalmente para garantir seus direitos.

Concursos previsto que possuem altos salários

No começo do ano, geralmente, são abertos diversos concursos. Quem tem o sonho de estabilidade no trabalho e altos salários, com certeza precisava ficar atento a oferta de empregos e se inscrever para participar. A remuneração superior à média é um dos principais motivos para os concursos serem tão acirrados. Mas você sabe quais os concursos previstos que possuem altos salários? Veja a lista a seguir e saiba de tudo.

Concurso INSS

Quem está pensando em prestar concurso público, deve saber que o concurso INSS 2019 estará disponível para os candidatos. Geralmente a oferta de vagas é para nível médio e superior. Os cargos de níveis médio podem receber mais de R$ 3.500 com carga semanal de 30 horas de serviço.

Concurso do Banco do Brasil

O Banco do Brasil é uma das instituições financeiras mais importantes do poder público e oferta vagas em diversas categorias de emprego diferentes. Nem sempre há vagas disponíveis para trabalhar na instituição, mas quem quer receber alta remuneração e diversos outros benefícios, deve saber que este está entre os concursos previstos 2019.

Concurso Ministério Público da União

O Ministério Público da União (MPU) é um dos órgãos mais importantes do país e proporciona salários altos para seus funcionários. De acordo com o PCI concursoshá uma grande probabilidade do concurso acontecer. A remuneração inciais pode ser de R$5.007,82 mensais.

Concurso Bradesco

O Bradesco é a maior instituição financeira do setor privado e propõe diversas vantagens para os seus funcionários. Apesar de não ser do poder público, o banco dispõe de concurso para selecionar pessoas capacitadas para os seus cargos. Além dos diversos benefícios, o Bradesco proporciona um dos salários mais altos do mercado para seus cargos.

Concurso Ministério da Fazenda

O Ministério da Fazendo é o órgão responsável por selecionar funcionários para a Secretária do Tesouro Nacional. Com tanta responsabilidade, obviamente os salários ofertados pelo ministério são os mais altos. Em compensação, as vagas disponíveis são muito mais concorridas; Por isso, a dica é se preparar com antecedência. Cargos como o de assistente técnico-administrativo, pode receber cerca de R$3.050,82.

Concurso Polícia Federal

Muita gente sonha em fazer carreira na policia e isso só é possível através da prestação de concurso. É provável que a avaliação aconteça em 2019 e muitas pessoas já estão planejando participar. Quem trabalha como delegado da Polícia Federal, pode receber mais de R$14.037,11. Enquanto isso, os agentes da PF recebem remuneração mensal equivalente a R$7.514,33.

Entenda como funciona o pagamento de impostos para taxistas

Os taxistas possuem formas diferentes de contribuir com os impostos. Mais precisamente, com o IPVA. Já que o veículo em questão é utilizado para o trabalho, e por legislação deve receber cobrança diferenciada. Vale lembrar da influencia das normas e leis de cada estado, podendo variar a forma como o pagamento de impostos funcionam para os taxistas.

 Quais impostos um taxista deve pagar?

Além dos impostos e tributos tradicionais de um veículo, como o IPVA, CRVL, licenciamento, seguro DPVAT e etc., o taxista deve pagar outros impostos.

A boa notícia é que a maioria deles possuí valor fixo, como o licenciamento BA 2019, que tem o mesmo preço para todos os veículo do estado.

Além desses tributos, outros impostos e taxas devem ser pagos por um taxista, sendo que quando pagas anualmente podem variar o valor. Detre estas taxas estão:

  • Imposto de Renda;
  • Alvará para funcionamento;
  • Credenciamento em associação de taxistas;
  • Inclusão da EAR (Exerce Atividade Remunerada) na CNH.

Documento de táxis

Um táxi é um veículo comum, a sua característica principal que o difere do restante dos automóveis, é que este é utilizado para fins de trabalho.

No entanto, a base para cálculo do imposto continua sendo a mesma, considerando o valor venal do automóvel. Alguns estados preveem em legislação que os veículos utilizados como táxi não necessitem realizar o pagamento do IPVA. Como em São Paulo e Rio de Janeiro.

Mas, não estão isentos da contribuição do licenciamento RJ 2019 e licenciamento SP 2019. Já que este imposto é importante para a atualizar a documentação do veiculo, e deixá-lo apto para a circulação em todo o país.

Isenção de impostos para taxistas em SP e RJ

Depois das várias manifestações de taxistas contra a proliferação de motoristas de aplicativo, o portal de notícias G1 fez uma comparação entre os gastos com impostos dos taxistas das cidades de São Paulo e Rio de Janeiro.

Com isso, foi possível entender onde os motoristas de táxi conseguem ser recompensados considerando o aumento das empresas de transporte por aplicativo.

Veja, nessas cidades, quais são os impostos que não são cobrados para os taxistas:

  • IOF;
  • IPI;
  • ICMS;
  • ISS.

Outra vantagem é que para os taxistas as concessionárias concedem até 30% de desconto na compra de um veículo.

Cidades mais lentas em trânsito no Brasil

O trânsito urbano é um grande caos no Brasil. Médias e grandes cidades apresentam um índice alto de lentidão na circulação de veículos. O que causa a impaciência dos motoristas, congestionamento excessivo nas vias e pode até provocar acidentes graves. Para solucionar esse problema, órgãos municipais e estaduais responsáveis pelo trânsito têm buscado maneiras de diminuir o tráfego.

O que causa a lentidão no trânsito?

Quando o motorista está em uma fila extensa de veículos em uma via totalmente parada, este se pergunta qual deve ser o motivador da lentidão. Há casos em que a espera no trânsito tenha superado dezoito horas.

Não existem explicações concretas sobre um fenômeno principal que causa o problema. Na verdade, é uma combinação de fatores que ocasionam no congestionamento.

Nas grandes cidades o fato principal é o número de veículos, que em determinados horários ocupam as ruas e rodovias. Esses períodos são chamados de horário de pico, no início da manhã e fim da tarde, quando as pessoas costumam ir e voltar do trabalho/escola/faculdade.

Outros pontos que podem gerar lentidão no trânsito:

  • Avenidas e ruas mal estruturadas, com buracos, sem faixa de pedestres, com apenas uma faixa de veículos, e etc.;
  • Acidentes de trânsito;
  • Blitz policial para segurança dos motoristas;
  • Sinalização mal colocada.

Soluções para o trânsito lento

Os órgãos públicos responsáveis pela organização da mobilidade urbana vêm planejando formas para solucionar o congestionamento de veículos. Para conseguir verba um bom exemplo é o IPVA 2019 Rio de Janeiro 2019. E de todos os outros estados, que dedicam parte do valor para o investimento em trânsito.

O dinheiro, na maioria das vezes, é utilizado para:

  • Construção de vias expressas;
  • Investimento em sinalização;
  • Fiscalização;
  • Melhorias nas rodovias.

Além disso, outra solução tem haver com a legislação. Criando rodízio de veículos, horários determinados para circulação de tipos de automóveis, e etc.

Cidades com trânsito mais lento no Brasil

A empresa de mobilidade urbana, 99 táxis, realiza uma pesquisa que calcula qual o tempo gasto por viagem nas cidades do Brasil. Segundo o Índice 99 Tempo de Viagem, divulgado em 2018, o ranking de capitais mais lentas são:

  1. Recife;
  2. Porto Alegre;
  3. Salvador;
  4. São Paulo;
  5. Rio de Janeiro;
  6. Manaus;
  7. Fortaleza;
  8. Belo Horizonte;
  9. Curitiba;
  10. Brasília.

Quanto ao investimento para a melhoria de trânsito na sua cidade ou estado, verifique a fonte responsável por esse segmento.

Trabalhar como Carteira Assinada ou Autônomo: Vantagens e Desvantagens

De uns tempos para cá, o trabalho autônomo ganhou muito espaço no mercado e passou a competir diretamente com a categoria da carteira assinada. Muitos trabalhadores acabam ficando divididos entre estes dois caminhos e para ajudar você a escolher qual a melhor categoria no seu caso, trouxemos a seguir algumas vantagens e desvantagens de cada carreira:

Autônomo

Vantagens

Horário Livre – Como o negócio é seu, você pode fazer os seus próprios horários avaliando o que é mais viável para a sua rotina de trabalho.

Autonomia no Trabalho – De maneira independente, você terá total influência sobre as decisões do seu negócio e pode trabalhar da forma que achar melhor.

Contribuição Autônoma – Para ter direito a aposentadoria, o trabalhador passará a contribuir junto ao INSS de modo autônomo. Os valores ficam disponíveis de acordo com o salário de benefício e de contribuição e a alíquota é fixa.

Desvantagens

Aposentadoria – Como não dispõe de compromisso com a Previdência Social, o trabalhador fica desprotegido de diversas leis trabalhistas, mas ele pode realizar um plano na Previdência e contribuir de acordo com a tabela de INSS 2019 para ter direito a aposentadoria.

Responsabilidade – Como pessoa jurídica, você será responsável por tudo na empresa e terá de organizar bem a parte financeira e administrar todo o negócio.

Ausência de Direitos Trabalhistas – Como você pôde conferir, as leis do trabalho são restritas para quem tem a carteira assinada, por isso, mesmo contribuindo de maneira autônoma, o trabalhador independente não terá direito a tudo.

Carteira assinada

Vantagens

Salário Mínimo – A carteira assinada garante alguns benefícios para o trabalhador e um deles é o salário mínimo, remuneração que garante um valor básico para qualquer cargo.

Salário Fixo – Outro ponto muito importante é o fato de você recebe uma remuneração mensal fixa. A empresa que lhe contratou deverá pagar dentro do prazo estabelecido independente da ocasião.

Direitos Trabalhistas – O principal benefício para quem trabalha com a carteira assinada é estar assegurado por leis trabalhistas que garantem: aviso prévio, seguro desemprego, entre outros.

Desvantagens

Jornada Fixa – Através da CLT, você não pode fazer seu próprio horário e estará sujeito a cerca de 40 horas de trabalho semanais, sem possibilidade de autonomia.

Descontos – Todo trabalhador recebe descontos na folha de pagamento, referente a tributos obrigatórios e por isso terá um salário líquido menor do que o salário mínimo.

Falta de Autonomia – Quem trabalha para uma empresa fica sujeito às ordens e funcionamento dela, sem possibilidade de agir de maneira autônoma.

Cursos curtos que podem te ajudar a empreender

Quem nunca pensou em empreender e ter o seu próprio negócio? Trabalhar para si mesmo é um privilégio e existem diversos cursos de curta duração que podem ajudar você.

Hoje em dia, a otimização de tempo é essencial e você pode unificar este ponto a uma formação de qualidade. Veja a seguir cursos curtos que podem te ajudar a empreender.

Curso de Administração

O curso técnico em administração provavelmente será o ponto inicial para o seu negócio independente. A formação é vasta e trará para o estudante conhecimentos diversos sobre a área de exatas.

O curso dura cerca de dois a três anos, dependendo da instituição. E o melhor é que você pode conseguir uma bolsa e estudar com custo zero através do Pronatec 2019programa que facilita o acesso aos cursos técnicos.

Curso de Logística

Outro curso importante para quem quer empreender é o de Logística. Este profissional saberá organizar e controlar a mercadoria e materiais utilizados no negócio. O serviço que dispor de bastante entrada e saída de estoque precisará de noções básicas de logística para ter sucesso.

E se você não tem tempo para se locomover até uma instituição de ensino, é importante enfatizar que você pode concluir a sua formação em Logística na modalidade de ensino à distância através do Pronatec EAD 2019!

Curso de Marketing

Independente da mercadoria ou dos serviços que o seu negócio irá fornecer, saber vender o que você tem a oferecer é fundamental para o empreendedor.

Por isso, o curso técnico em Marketing é uma ótima forma de aperfeiçoar suas competências. Com este certificado, você estará apto para entender e atuar da melhor forma no mercado.

Curso de Contabilidade

Para possuir controle financeiro e saber as formais mais viáveis de levar o seu negócio independente, pode ser essencial ter um curso em Contabilidade.

O profissional da área tem atuação importante na empresa, sendo responsável por noções de comércio, custos e o funcionamento da indústria.

Curso de Finanças

O ponto mais importante do seu negocio será o investimento e o lucro, e para lidar corretamente com estes aspectos o curso técnico em Finanças pode ser uma boa opção.

A formação irá dispor, além de relações bancárias e administrativas, de noções de contabilidade. Este profissional é fundamental para a análise financeira do negócio.

Curso de Recursos Humanos

Toda empresa precisará de conhecimentos dos Recursos Humanos para funcionar corretamente, por isso este é um setor importante. O curso é recomendado principalmente para quem irá contratar funcionários para empreender.

A função do técnico da área é diária e estará de acordo com o treinamento necessário para as pessoas que você poderá vir a contratar eventualmente.